História


Fundadores

A VINICOLA MAZON ou VIGNA MAZON, surgiu como um dos resultados da ocupação de duas Companhias de Imigração que instalaram os Imigrantes europeus no Brasil Imperio,  nos vales dos Rios Urussanga e Tubarão, entre a Serra e o Mar, sul de SC.

 

Fundada na década de 1970 pelos irmãos Genésio e Jayme Mazon, a Vinícola Mazon  surgiu não só seguindo a tradição da linha materna da família, os Debiasi mas também, preenchendo uma lacuna no ramo da vitivinicultura de Urussanga. Debiasi e Mazon ou Mason, são famílias trazidas pela Cia de Colonização Grão Pará – onde, nos armazéns havia as “briga de nação” por trazer, além dos italianos para as encostas da Serra do Rio do Rastro, os Letos, Poloneses e Alemães entre outras nacionalidades.

 

Mas, o que motivou os irmãos Mazon a investirem em Urussanga, foi acima de tudo o casamento de Genésio, proveniente de Orleans, com Giselda Freccia Trento, Urussanguense  da “Praça Anita Garibaldi” , descendente da família dos Vinhos Felipe de Azambuja (Sede da Colonia Urussanga)  e cuja infância passou entre as primeiras Vinicolas da região localizadas em seu entorno: Caruso Mac Donald, Cadorin, Samus, Damiani (Lagrima Cristi), Ferrari, entre inúmeras outras.

 

A fim de manter um vinculo com a região, os empresários Genésio e Jayme acreditaram  na vocação da cidade, famosa nos quatro cantos do Brasil pela terra do vinho (branco) que na primeira metade do século XX era consumido na capital federal (RJ), chegando de navio e trem embalado em palha de trigo e caixas de madeira marcadas a ferro. Levados pelos portugueses, caixeiros viajantes das Lojas Senda, que vinham para a região comprar a fécula e farinha de mandioca e o arroz, não só constituíram família em Urussanga como foram os grandes difusores dos famosos vinhos de Urussanga!

 

Idealistas, os irmãos implantaram os parreirais e o processo de industrialização das uvas, produzindo vinhos de qualidade e serviram de modelo para diversos agricultores que até hoje tem na produção de frutas sua principal atividade econômica. Foi a primeira vitivinicola de SC a produzir uvas e vinhos de uvas viniferas, experimentando  as Merlot e Cabernet vindas do Chile e da França. Também, foi a primeira vinícola catarinense a oferecer o Enoturismo como atividade turística, desde 1991.

 

 

Assim, a paisagem local, aliada ao atendimento familiar e à boa gastronomia fazem da Vigna Mazon um ambiente de referência no Estado de Santa Catariname tem por MISSÃO:

 

“MAXIMIZAR OS RECURSOS NATURAIS, HISTÓRICOS E CULTURAIS DA PROPRIEDADE (PRODUÇÃO E COMERCIALIZAÇÃO DE ALIMENTOS E BEBIDAS, SERVIÇOS DE HOSPEDAGEM E ORGANIZAÇÃO DE EVENTOS) PARA GERAR MELHORIA DA QUALIDADE DE VIDA E OPORTUNIDADE DE NEGÓCIO PARA TODOS OS SEUS COLABORADORES, CONTRIBUINDO PARA A PRESERVACAO DA IDENTIDADE REGIONAL (VALES DA UVA GOETHE)”.

 

E os valores:

 

* HONESTIDADE E TRABALHO

* RESPEITO À COMUNIDADE, ÀS TRADIÇÕES E AO MEIO AMBIENTE

* ORGULHO DE PERTENCER A SÃO PEDRO, DE SER DE URUSSANGA, DE SER CATARINENSE, DE SER BRASILEIRO

* VALORIZAÇÃO E CAPACITAÇÃO DA MÃO DE OBRA LOCAL

* PRIORIZAÇÃO DE FORNECEDORES REGIONAIS

* PREOCUPAÇÃO COM A QUALIDADE DOS PRODUTOS E SERVIÇOS

* ESPÍRTO DE PARCERIA COM EMPREENDIMENTOS SIMILARES

 

Algumas fotos antigas e atuais:

 



Estrutura Inicial Estrutura Inicial Estrutura Inicial Estrutura Inicial Primeira Construção e Primeira Ampliação Primeira Construção e Primeira Ampliação Primeira Construção e Primeira Ampliação Primeira Construção e Primeira Ampliação Primeira Construção e Primeira Ampliação Atualmente Atualmente Atualmente Atualmente Atualmente Foto Atual